Você é seguidor(a) de N°

quinta-feira, 31 de março de 2011

[espaço do leitor] Não diga para ninguém, mas eles podem mudar o mundo

Vou ter educação, vou cumprimentar. Para ser muito franco, não pensei muito no assunto. Vou agir de forma civilizada. Mas deve haver um certo distanciamento. Ele vai para um lado, eu vou para o outro. Acho que vai ser um aperto de mão frio”. Se esse texto que o leitor tem pela frente pudesse ser mais interativo, eu pararia por aqui e só prosseguiria quando tivesse a pergunta, “quem disse isso?” respondida. Bem, como não é possível ai vai a resposta: Lindberg Farias. Mais uma vez, faria uso do recurso, caso fosse possível, e perguntaria, “quem é esse Lindberg Farias?

Às vezes o mundo nos prega surpresas. Lindberg foi o líder dos caras-pintadas, jovens que foram às ruas no ano de 1992 com seus rostos pintados de verde e amarelo e pediram o afastamento do então presidente de Republica, Fernando Collor. Mas o porquê das surpresas? Lindberg, assim como seu parceiro, Randolfe Rodrigues foi eleito senador no ultimo pleito eleitoral. [para mais detalhes, joga no Google].

Democracia, conceito às vezes vago, mas que quando compreendido de forma coletiva pode causar um verdadeiro “estrago”. Foi o exemplo do movimento que causou a “queda” do ex-presidente Collor. O que quero expressar nessas poucas palavras é que quando a juventude se uni em prol de todos, e nesse caso foi em benefício de toda uma nação, ela pode significar uma verdadeira ameaça para muitos devido à sua força. Não foi um movimento qualquer, foi uma mobilização da sociedade intelectual [digo, da juventude intelectual] da época e que mudou os rumos do país.

Se algum grupo quer realmente mudar alguma coisa em qualquer que seja a atmosfera, primeiro tem que consultar aqueles que estão se preparando para tanto: os jovens. Como é um texto feito exclusivamente para um blog e sei que se for muito longo pode perder o sentido, volte para o título:

“Não diga para ninguém, mas eles podem mudar o mundo”. Mas quem são eles? Resposta: os jovens.

In hoc signus vinces
Bruno Coriolano

3 comentários:

Anônimo disse...

se depender só dos politicos eles mudaram o mundo para mais RUIM

aloeducacao disse...

Amigo é preciso saber separar o Joio do trigo....
Sigam-me...

Anônimo disse...

Até parece q é um grande amigo,