Você é seguidor(a) de N°

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

[leia] Qual político de Apodi se trata pelo SUS



Este blogueiro gosta de pegar no pé dos políticos que merecem:

Perguntar não custa nada. Apenas uma curiosidade. Nada mais:

- Qual político (prefeita, ex-prefeito ou vereador) de Apodi se trata pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Alguém poderia dar uma explicação a esse blogueiro otário?

O bom político que se presa não aceita de maneira nenhuma a municipalização do hospital. Concorda?

Você leitor, aluno, professor, blogueiro, jornalista, radialista, enfim...

Nós até reclamos que os políticos forasteiros não fazem nada por Apodi. Pior é quem tá no poder e concorda com essa possível municipalização do hospital. Assu, Caicó e Pau dos Ferros tudo pode e Apodi não. Por que?

Será que vai ser mais uma pra conta do Apodi já teve... Vamos aguardar.

11 comentários:

Anônimo disse...

Não entendo como alguém pode ser viciada em drogas, em um mundo onde existe chocolate, internet e Twitter... Diga não as drogas!!!

Anônimo disse...

só os politicos marreteiros

Reginaldo Ponciano disse...

Entre no http://reginaldoponciano.blogspot.com/ e veja a promoção que te da um pacote de cerveja!
3° postagem

Anônimo disse...

assu, caico e pau dos ferros podem mesmo. Apodi , nao. Não entendo porque pau dos ferros pode tudo.Enquanto apodi depender da boa (ou má) vontade de políticos mossoroenses, nós estamos é ... nunca fizeram nada pelo apodi, porém, me lembro que na inauguração da barragem de santa cruz (será que não é mossoro?) apareceram vários políticos de lá dizendo ser pai do projeto/luta. Vão ser demagogo...mais uma vez pergunto: por que pau dos ferros pode e apodi não pode? Tô esperando ..

Anônimo disse...

Rosalba não é de mossoró? Espere o que vai fazer pelo apodi. Nada, igual a anterior. Mentira, a anterior fez sim. A bela e moderníssima casa da cultura
,uma jóia de construção. Em eu sendo prefeito, pediria pelo amor de DEUS para que ela não construisse tamanha oponência. Apodiense se contenta com toda...

Anônimo disse...

Por que os filhos de políticos não estudam em escolas públicas? por que nenhum usa o SUS? Quem quer ficar "burro" ou "morrer de esperar"?

Bob Light disse...

-Lembrem-se meros idiotas, Apodienses otários, Apodi é e sempre será periferia de Mossoró, Rosalba não é besta, contribuiu para tirarem a UFERSA de Apodi e foi quem tirou mais votos na nossa pobre cidade, rica geograficamente e de gente pobre de espírito, portanto cada cidade merece os governantes que tem, e aí IDIÓTAS "bicudos e bacuraus" vão todos pro moinho pois "dura é a carne de tolo"

Ramonyer disse...

A municipalização do Hospital regional de Apodi têm seus pontos bons e ruins.

RUINS: deixaria de atender os usuários na alta complexidade, ou seja, não fariam cirurgias de porte médio e grande (isso se o hospital voltasse a fazer).

BONS: A NOB/96 deixa claro que os municípios têm que se municipalizar, ou seja, ser autônomos nos atendimentos de média complexidade e atenção básica. (o governo federal repassa o dinheiro para o fundo municipal de saúde todos os meses). Esse fato do hospital municipalizar-se seria uma solução para a falta de médicos, que rotineiramente acontece em nossa cidade. A finalidade da referida NOB é promover e consolidar o pleno exercício, por parte do poder público municipal e do Distrito Federal, da função de gestor da atenção à saúde dos seus munícipes. Ver Art 30, inciso V e VII, e Art 32 parágrafo 1º da CF.

A prefeitura seria a responsável na contratação dos médicos com garantias do governo federal e do estado, e os atendimentos de alta complexidade seriam encaminhados para Mossoró.

Infelizmente Apodi está na microrregião de Mossoró, então, no âmbito do SUS e pelo respeito aos princípios doutrinários: Universalização, Integralidade e Equidade seria a melhor forma de desafogar hospitais de referência como, por exemplo, os corredores do Walfredo Gurgel, se repetindo entre outros municípios do estado com suas respectivas referências de alta complexidade.

Agora, no meu ponto de vista, para suprir serviços de urgência e emergência, Apodi poderia ter uma Unidade de Pronto Atendimento - UPA. Nesta, possuem profissionais capacitados para atender todos os tipos de traumas, além de atendimento pediátrico e clínica médica conjuntamente com o serviço médico de urgência – SAMU com atendimentos pré-hospitalares.

Eu creio na proposta de Subsecretária Ana Tânia, visto que tais medidas já foram discutidas há bastante tempo e só agora está se efetivando, porque quando se trata de SUS temo que ver o universal e não só o beneficiamento de cidade X ou Y.

Anônimo disse...

que beleza esse comentáio feito por esse ramonyer que não sei nem que é e pouco me interessa saber!!!!!!!!!!!só faltou dizer que tem que existir válvula de escape e apodi é a tal. Por que válvula? Ora, se não temos representantes nas esferas mais elevadas(deputado etc.), a caisa tem que romper no local mais fraco e apodi é a solução. Por que não quebrou pra pau dos ferros, por exemplo, a ufersa, se nós (APODI), fomos quem levantou a bandeira da vinda da ufersa para o alto oeste e rebentou justamente para o apodi, que mais lutou pela causa? diga alguma coisa aí gente...

sujeito inconformado com tanta perda disse...

Estamos atrasados porque temos gente como esse Ramonyer em Apodi que se conforma com o prejuízo e acha que Apodi nasceu pra perder mesmo,espere aí! ser um bom perdedor tudo bem...mas exibir a derrota como um troféu essa é de lascar!!!

Ramonyer disse...

Para o sujeito inconformado...

Atrasado nobre amigo, Apodi sempre esteve. Agora em relação à saúde do estado podemos discutir questões de COERÊNCIA pelo SUS.

Caso não saiba o que é o SUS, leia as leis 8.080 e a 8.142, ambos de 1990.

Agora te faço uma pergunta. Qual seria a diferença hoje do hospital regional e municipalizado?

Já te respondo: mudança de gestor/responsabilidade e o NOME que deixaria de ser REGIONAL.

A perca Apodi já teve. A UFERSA. Se Apodi tiver uma atenção básica de qualidade, nossa cidade num precisa de hospital regional não. Mas é como eu falei, necessitamos de serviço mais especializados como a UPA e SAMU.